Comportamento

10 questões mais intensas da busca espiritual humana

Nenhum ser humano pode se desviar numa jornada espiritual porque nascemos com aquela luz interior que nos guia. Ouça aquelas perguntas desesperadas que surgem dentro de você e a luz lhe mostrará o caminho.

1. Qual é o verdadeiro propósito da existência?

Tem que haver mais na vida do que levantar e perseguir sonhos neste mundo materialista. A vida humana tem que ser mais do que apenas um círculo vicioso de vontades e desejos sem fim. Se nos foi dada a forma humana e colocados no mais alto nível de evolução, deve haver algum propósito por trás disso.

2. O que existe além do ciclo de nascimento e morte?

Viemos a este mundo, passamos cerca de setenta ou oitenta anos e depois morremos. Durante todo esse tempo, sofremos de uma forma ou de outra. Existe um fim para tais sofrimentos? Existe algo que vai além do ciclo de nascimento e morte? Se nascemos “humanitários”, então por que há tanto sofrimento no mundo? Existe uma maneira de superar os sofrimentos humanos, uma maneira de nos elevarmos acima de nosso próprio eu mesquinho?

Veja Também...  Como estar no espaço afeta a psicologia dos astronautas?

3. Existe um poder, uma fonte de energia que dá origem a todas as formas de vida?

As pessoas dizem que Deus criou os humanos. Mas a verdade é que as religiões foram criadas pelos humanos e existem deuses diferentes para cada religião. Geração após geração, as pessoas continuam acreditando e adorando aquele “Deus” que encontra lugar em templos, mesquitas, igrejas ou qualquer outro local de culto. E daí surge a questão de quem realmente criou os humanos, todas as outras formas de vida, os planetas e os universos.

4. Por que não fico em paz quando estou sozinho?

Tornamos nossas vidas tão ocupadas que não temos tempo para ficar sozinhos. E se chega um momento desses, ficamos tão inquietos! Por que é que a nossa mente não está em paz? Precisamos continuamente mantê-lo engajado ou então ele começará a tomar conta de nós.

5. É possível tornar-se completamente sem ego?

O ego é a causa raiz de todo o mal no mundo. Por que então, apesar de sabermos disso, continuamos nutrindo nossos egos? Nós machucamos e nos machucamos. E isso dura toda a nossa vida, como um drama sem fim. É possível para um ser humano superar seu ego e abandonar tudo o que o impede?

6. Por que é tão difícil me conectar com meu eu interior?

Com mentes hiperativas, é extremamente difícil acalmar a conversa mental. Mesmo quem medita alcança o estado de calma depois de muito esforço. E igualmente complicado é manter essa calma. Se atingir um estado de silêncio é tão assustador, como é possível nos conectarmos com nosso verdadeiro eu interior?

7. É possível transcender a vida normal e mundana?

Mesmo que despertemos para a miséria da vida humana, como poderemos abandonar os nossos estilos de vida, relações sociais e ambições? Apesar de conhecermos a impermanência das nossas vidas condicionadas, como podemos quebrar a sua monotonia?

Veja Também...  Por que fazemos ruídos grunhidos enquanto levantamos coisas pesadas?

8. É normal ter pensamentos tão profundos e emocionantes?

Na vida, podemos ter muitos amigos e pessoas em quem podemos confiar. Mas quando se trata de pensamentos profundos e emocionantes, geralmente somos deixados sozinhos para lidar com eles. Essa é a essência da espiritualidade e da filosofia de vida. No processo, muitas vezes, alguém pode raciocinar sobre seus próprios pensamentos; se está tudo bem em se encontrar em meio a tais questões e a ideia de persegui-las.

9. Por que me sinto um estranho neste mundo?

Questões inovadoras da vida exigem muito tempo sozinho. Uma pessoa precisa se interiorizar para perceber sua essência. À medida que a imagem do mundo interior revela, as realidades do mundo exterior começam a obscurecer-se. Uma pessoa pode encontrar-se desligada do mundo exterior, do seu frenesim, das suas exigências e aspirações.

10. Existem outras pessoas que também sentem necessidade de libertação espiritual?

À medida que uma pessoa se volta para dentro, seu círculo social começa a diminuir. Percebemos que são poucas as pessoas que compartilham pensamentos e comprimentos de onda semelhantes. Nossos corações nos guiam até aqueles que podem ser nossos amigos nessa odisséia.

Qual é o verdadeiro propósito da existência?

Tem que haver mais na vida do que levantar e perseguir sonhos neste mundo materialista. A vida humana tem que ser mais do que apenas um círculo vicioso de vontades e desejos sem fim. Se nos foi dada a forma humana e colocados no mais alto nível de evolução, deve haver algum propósito por trás disso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *